Condomínios tecnológicos: o que são e quais as soluções?


Quando o assunto é tecnologia em residências, podemos dizer que há um bom tempo esse recurso passou de artigo luxo para um aliado da segurança e da comodidade das pessoas. O que era considerado dispensável anos atrás, agora faz parte do cotidiano dos moradores, como circuito interno de TV e portaria eletrônica.

Mas se esses são elementos considerados básicos em empreendimentos, o que podemos chamar de condomínios tecnológicos, de fato? Condomínios inteligentes, ou tecnológicos, são construções que oferecem um alto nível de tecnologia aos moradores.

Isso inclui recursos que vão além do trivial, como atividades automatizadas e que visam geração de menos energia, mais economia, entre outras vantagens. Interessou-se pelo tema? Aproveite a leitura e entenda melhor como esse conceito funciona e como ele é aplicado em empreendimentos de diversos padrões.

Principais soluções dos condomínios tecnológicos

Se você gostou da ideia e está pensando em investir em um condomínio inteligente, é importante entender os tipos de soluções que, geralmente, são oferecidas nesse perfil de imóvel. Acompanhe algumas tendências.

Portaria virtual

Aqui, vamos além do conhecido porteiro eletrônico. Tenha em mente que a portaria virtual é o acesso remoto a tudo o que acontece na portaria do empreendimento — e muitas vezes ao redor dele — por parte do síndico e dos condôminos.

Essa é uma tecnologia que virou tendência nos empreendimentos nos últimos anos, pois, além de reduzir custos com porteiros, oferece mais autonomia e segurança para que os moradores consigam monitorar o espaço externo de onde estiverem.

Academias inteligentes

O comportamento do consumidor tem mudado nos últimos anos e não somente a partir da vinda da pandemia de covid-19. Entre essas transformações está a preferência por realizar atividades em casa, como estudar, trabalhar e se exercitar.

Donos de empreendimentos que estão atentos a essas alterações comportamentais, já entenderam que os condôminos mais exigentes esperam soluções inovadoras não só em seus apartamentos, como também nos espaços compartilhados.

Uma solução nesse sentido é a refrigeração automatizada nas academias, que pode ser programada via sistema. Como, muitas vezes, esse tipo de academia não conta com funcionários, essa é uma boa solução para economizar energia, com o uso da tecnologia, quando não houver pessoas transitando pelos espaços comuns.

Piso térmico nos apartamentos

Uma das melhores vantagens da tecnologia é o conforto que ela oferece às pessoas. No âmbito dos condomínios tecnológicos, destacamos uma tendência no mercado imobiliário: o investimento em pisos térmicos, especialmente em banheiros. Esses são dispositivos instalados sob o piso e funcionam a partir de termostato.

Por que investir nesse tipo de empreendimento

O olhar atento sobre a necessidade da preservação ambiental tem sido exercitado cada vez mais pela sociedade. As pessoas têm se tornado mais conscientes e preocupadas em impactar o ecossistema o mínimo possível, e isso tem sido refletido em seus comportamentos de compra, inclusive, no mercado imobiliário.

Além de oferecer menor dano ambiental, que é uma das vantagens mais interessantes que os recursos tecnológicos oferecem, outros benefícios podem ser percebidos:

  • valorização do imóvel;

  • mais segurança para os condôminos;

  • mais praticidade e comodidade no dia a dia;

  • promoção do consumo sustentável e da economia compartilhada.

Não há dúvidas de que os condomínios tecnológicos estão ganhando espaço no mercado imobiliário, e isso inclui empreendimentos de diferentes perfis. Isso acontece porque, mesmo que minimamente, nos tornamos cada vez mais dependentes do conforto, da praticidade, segurança e economia que ela nos proporciona.


Posts Em Destaque
Posts Recentes
001.png